segunda-feira, 10 de junho de 2019

Quais as vantagens de usar um chatbot na empresa?

Como dissemos, um chatbot pode ser usado em muitos setores dentro de uma empresa e possui basicamente duas grandes vantagens: automatizar tarefas repetitivas e melhorar o relacionamento com o seu público.

Além disso, os chatbots estão disponíveis 24 horas, o que permite que o seu cliente consiga, por exemplo, abrir um chamado a qualquer momento do dia ou da noite, e até resolver algumas demandas mais simples, sem a necessidade de um funcionário.
Resultado de imagem para chatbotPorém, é claro, ele não pode substituir o atendimento humano, já que existem demandas complexas que um chatbot não poderá resolver e corre-se o risco da imagem da sua empresa ficar manchada com algumas pessoas.

Maior possibilidade de relacionamento

O relacionamento mais intenso com os seus clientes é um dos principais benefícios do chatbot. Mas como isso funciona? Bem, com um chatbot você poderá enviar mensagens diretamente aos seus clientes ou futuros clientes, pelo Messenger, Skype ou outros aplicativos.
No marketing, os chatbots podem ser usados para gerar novos leads, melhorar o relacionamento, fechar uma venda e até dar uma atenção especial no pós-venda, ajudando a fidelizar a clientela.
Com o tempo, os chatbots podem “aprender” como se comunicar melhor com as pessoas, identificando os melhores horários para enviar as mensagens e até a maneira de formular as sentenças.

Onde posso usar um chatbot na empresa?

As possibilidades de uso dos chatbots são imensas. Veja algumas ideias.

Atendimento ao cliente

Os SACs são os que mais usam chatbots, principalmente para questões iniciais ou dúvidas muito comuns. Afinal, a maioria dos serviços de atendimento ao cliente possui dúvidas repetitivas e esses processos podem ser automatizados com inteligência artificial.
Porém, vale lembrar que em casos mais complexos, é fundamental a presença de um funcionário, completando o atendimento. Contudo, certamente esse funcionário gastará menos tempo, já que grande parte das dúvidas foram respondidas pelo chatbot.

Relacionamento com clientes e possíveis clientes

Dentro da área do marketing, os chatbots são muito importantes, principalmente se você trabalha com uma estratégia de inbound marketingou marketing de conteúdo.
Os bots podem entreter seu público e oferecer muitos conteúdos para quem está começando a conhecer a sua empresa ou o seu nicho, interagindo com eles de uma maneira completamente diferente.

Falar diretamente com os usuários

Nem sempre seus clientes ou leads desejam instalar um aplicativo para poder falar com a sua empresa. Os chatbots são uma alternativa, funcionando como um verdadeiro canal de relacionamento aproveitando aplicativos de conversa que os usuários já possuem, como o Messenger do Facebook, o Telegram, o Gtalk e assim por diante.
Além disso, você reduz a curva de aprendizado. Ou seja, como as pessoas já conhecem esses aplicativos, as chances de elas interagirem com o seu robô aumentam, melhorando a usabilidade da tecnologia.

Compartilhar informações entre suas equipes

A comunicação interna também pode ser favorecida com o chatbot. Basta criar robôs com acesso restrito a equipes e integrá-los nos softwares de trocas de mensagens entre grupos fechados, por exemplo o Slack.
Nesse caso, você pode tanto criar conversas entre pessoas, como usar o chatbot para enviar respostas automáticas ou dados específicos, melhorando a comunicação entre as suas equipes, principalmente para quem trabalha com freelas ou remotos.

Automatizar as vendas

Embora esse cenário ainda não seja muito comum aqui no Brasil, lá fora ele já tem sido usado com bastante relevância.
Um exemplo é o Uber. Você pode solicitar um motorista enquanto conversa com outra pessoa pelo Messenger. Seu amigo poderá enviar um endereço pelo chat, você clica nele e solicita um motorista do Uber. Não é bacana?
No Brasil, algumas empresas já estão usando essa tecnologia. A Natura desenvolveu um chatbot para aumentar as vendas pelo Facebook, a Avon criou um programa focado nas futuras e atuais revendedoras e a Localiza Hertz permite que você alugue um veículo pela própria fan page no Facebook.
Você pode ainda usar um bot para:
  • marcar consultas/ horários, sincronizando-o com o Google Agenda;
  • vender de forma ativa, sincronizando o bot com o seu estoque e com plataformas de pagamento;
  • abrir atendimentos;
  • analisar estágios de funil para campanhas de inbound marketing;
Como você viu, existem inúmeras possibilidades de usar um chatbot no seu negócio. O importante é definir muito bem qual será o objetivo com o uso dessa tecnologia e pensar em qual tipo de chatbot você deverá investir.
Se a ideia é usá-lo para tarefas mais simples, é possível trabalhar com uma tecnologia baseada em perguntas pré-definidas e comandos fechados. Agora para questões mais complexas, como vendas e interações de marketing, é preciso de uma opção mais robusta e com respostas que variam de acordo com as interações do usuário.
Você gostou de saber mais sobre o chatbot? Aproveite e compartilhe o nosso post com os seus amigos nas suas redes sociais!
By Paulo kroich  Vocare Consultoria / Crédito - http://biz2digital.com.br/chatbot-na-empresa/

sábado, 8 de junho de 2019

REGRAS DE NEGOCIAÇÕES PARA COMPRADORES

Há algum tempo, circulou entre profissionais de vendas o conjunto de regras abaixo. Dizia-se que eram instruções que uma grande rede de lojas dava a todos os seus compradores, mas não ficou muito claro que rede seria essa nem se as regras eram reais ou não.

De qualquer modo, vale a pena conhecer o texto, pois precisamos estar preparados para as situações mais difíceis e aplicar em nossas compras, e você vendedor esteja preparado para não passar por uma situação dessas....

REGRAS DE NEGOCIAÇÕES PARA COMPRADORES
Srs. Compradores, segue um resumo das regras e recomendações de negociação para os gerentes de compra, compradores e auxiliares de compras de nossa rede.
  1. Nunca demonstre simpatia a um vendedor, mas diga sempre que é parceiro.
  2. Considere que o vendedor é alguém que deve ser vencido.
  3. Jamais aceite a primeira oferta. Obrigue sempre o vendedor a estudar uma oferta melhor. Use sempre o lema “Você pode fazer melhor do que isto”.
  4. Independente da autonomia que você tiver, seja sempre subordinado de alguém. Diga sempre que alguém acima de você não vai gostar da proposta do vendedor.
  5. Se o vendedor dá um desconto ou pede para ir ao banheiro ou vai telefonar e volta com a aprovação, é porque o que ele está dando podia ser dado, portanto peça mais.
  6. Não faça concessões sem contrapartida.
  7. Esteja atento. O vendedor que faz sugestão de pedido em geral é mais organizado e mais esclarecido. Use seu tempo para explorar os vendedores desorganizados. Estes chegam mais rápido aos descontos.
  8. Não hesite em argumentar que o concorrente dele está com melhores condições e que o produto do concorrente vende melhor e tem giro mais rápido. A maioria não sabe nada sobre seus concorrentes.
  9. Faça objeções desde o início da conversa. Isso costuma desestabilizar os vendedores. Especialmente os que querem entrar em nossa rede ou os que têm medo de sair dela.
  10. Tente obter o máximo de informações sobre a personalidade e as necessidades dos vendedores. Os mais falantes costumam logo entrar em detalhes de suas vidas pessoais. Descubra o ponto fraco deles.
  11. Acene com volume alto de compra e consiga o melhor desconto que puder. Só depois de fixado o preço diga a real quantidade que precisamos e comente que mais adiante comprará o resto, mas nunca se comprometa nem mencione prazos.
  12. Evite que o vendedor fique “lendo” nossas informações no visor do seu computador ou nos papéis em cima de sua mesa. Quanto mais desinformado o vendedor for, mais ele acreditará em nós.
  13. Se o vendedor estiver acompanhado de um superior, exija mais descontos, ameace tirar o produto deles de linha. O superior não vai querer perder o pedido na frente do vendedor e dará o desconto.
  14. Sempre que outra rede concorrente estiver fazendo uma promoção com o produto deles, pergunte ao vendedor o que ele fez lá e exija as mesmas condições.
  15. Nunca se assuste com grandes marcas ou produtos de renome. Por trás de uma grande marca pode estar um vendedor despreparado que só vende por causa da marca.
  16. Tenha sempre cuidado com vendedores mais profissionais. São mais experientes e seguros.
  17. Procure falar pouco e não se deixe envolver por seus argumentos. Ele está na sua frente para ganhar dinheiro, não para resolver nossos problemas. Pense nisso e seja objetivo.
  18. Não se esqueça que as melhores condições são obtidas na última etapa das negociações.

Não importa se você da área de vendas, compras, ouse  esta apenas negociando.
  Pense Nisto,

                                                      E faça bons Negócios.      By Paulo Roberto Kroich Gomes

domingo, 2 de junho de 2019

Dicas de como Conduzir e se Conduzir em Reuniões




Responda com sim: sempre, as vezes e nunca

1.   Só convoco reuniões informais quando o assunto e tão importante que justifique tomar tempo das pessoas.
2.     Informo as pessoas sobre o assunto a ser discutido e quanto tempo provavelmente a reunião vai demorar
3.     Espero que as reuniões comecem na hora e procuro chegar no horário.
4.     Tenho habito de informar as pessoas sobre o resultado das reuniões informais que dirijo.
5.     Quando estou encarregado de uma reunião tenho a certeza de que todos se concentrem no assunto em pauta.
6.     Não desperdiço meu tempo de meus colegas com visitas eventuais a não ser quando sei que não estão ocupados.
7.     Espero receber todos os relatórios antes das reuniões formais regulares. 
8.     Leio todos os relatórios pertinentes antes de ir as reuniões formais regulares.
9.     Informo aos interessados antes da reunião se  discordo da minuta da reunião anterior.
10.  Não tento dominar meus contatos e permito que os  outros expressem totalmente seus pontos de vistas.
11.  Respeito as informações confidenciais que obtive nas reuniões e cumpro as decisões, meso quando discordo delas.
12.  Tenho um comportamento bem humorado e construtivo ajudando a manter a boa vontade de meus colegas.
13.  Nos contatos, não perco a paciência nem grito com os colegas ou recorro ao sarcasmo ou insinuações.
14.  Quando organizo um evento apos a negociação confirmo o compromisso dos meus convidados, por escrito ou não conforme ocasião.
15.  Chego a um reunião de negócios pelo  menos dez minutos antes dos meus convidados.
16.   Depois de comparecer a uma refeição de negócios, envio um bilhete pessoal de agradecimento ao meu anfitrião.
Resultado de imagem para reunião de pais17.  Antes de receber convidados para um evento, verifico as preferências alimentares
18.  Evito falar de negócios na companhia de minha esposa e de meus convidados.
19.  Levo um presentinho, chamego, quando sou convidado a casa de um contato de trabalho.
20.  Levo um pequeno chamego, , chocolate, pequenas ações que não prejudicam a ética, digamos faço um trafego de influencias, para facilitar as minhas ações
21.  Tento convidar pessoas que tenham interesses em comum e que provavelmente se darão bem juntas, fortalecendo as relações,
22.  levo muito a serio minhas responsabilidades como anfitrião e procuro fazer com que meus convidados recebam tudo o que precisem.
23.  Providencio uma alternativa para o álcool e não pressiono meus convidados a beber se sei que estão dirigindo.
24.  Mantenho-me sóbrio nas festas no trabalho e procuro me comportar corretamente.
25.  Apos as festas, não recordo meus colegas de suas indiscrições., excessos,
26.  Preocupo-me com a vida pessoal de meus contatos no trabalho e escrevo-lhe, e-mails ou ligo sempre que ocorrem eventos notáveis.
27.  Procuro a cada momento influenciar, convencer e persuadir, sutilmente meus contatos, sem a intenção de manipulados.
Acrescente outras dicas.
___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________