terça-feira, 28 de novembro de 2017

“O que muda com a Nova Lei Trabalhista? ”

Com as mudanças na Lei Trabalhista, muitos MEIs e empresários de micro e pequenas empresas têm dúvidas sobre como aplicá-la em seus empreendimentos. Pensando nisso, o Sebrae lançou um combo de produtos e serviços a fim de esclarecer as dúvidas de seus clientes.O combo inclui: dúvidas frequentes, cartilhas, e-books, eventos virtuais e outros materiais com informações sobre a Nova Lei Trabalhista, que podem ser encontrados na página que preparamos sobre o tema.
Nos eventos virtuais teremos um webinar e um Papo de Negócio. O Papo de Negócio acontece entre os dias 27/11 a 01/12 e temos como convidada a Ministra do TST, Delaíde Alves
O webinar, "O que muda com a Nova Lei Trabalhista?", acontece dia 30/11 às 17 horas. A advogada especialista em Direito Público, com experiência em negociação sindical e consultora trabalhista do Sebrae, Priscila Rodrigues, vai apresentar as principais mudanças da Lei, onde os participantes terão oportunidade de tirar suas dúvidas ao vivo. O evento será transmitido no canal do Sebrae no Youtube.  Para quem não puder assistir ao webinar na ocasião, o vídeo ficará disponível no canal.
Envio as peças anexas para que possam divulgar em suas redes.
Serviço:
Webinar “O que muda com a Nova Lei Trabalhista? ”
Data: 30/11
Horário: 17 horas


Abraço,


domingo, 26 de novembro de 2017

O Natal já esta aí, 2018 já bate na porta............

Começamos agora a contagem regressiva para encerrar o ano de 2017 com chave de ouro!!!...

Você já parou para pensar e fazer um balanço de como foi este ano para você? .... Muitas coisas devem ter acontecido!!... Aposto que na noite de ano novo, na virada de 2016 para 2017 você nem imaginava tudo o que estava programado para acontecer em sua vida .. de bom ou não ... 

Mas o fato é que tudo foi acontecendo .. entrou dia .. saiu dia .. e as coisas foram surgindo em seu caminho, há mais uns dias para caminhar ainda, e lembre que  ao longo deste percurso  você teve que aprender a lidar com tudo que foi acontecendo .. ora desviando .. ora pegando atalhos  . .ora Encarando tudo de frente ... pedindo uma ajudinha para as forças universais, mas você venceu .. está vencendo dia a dia ...  o ano se encaminha para o final .. e você veio até aqui, firme, forte, com alguns arranhões é verdade, mas você não desistiu no meio do caminho, e isso faz de você um vencedor, faça sua retrospectiva!!!...

Olhe para traz , veja quantos caminhos percorreu, quantas mudanças enfrentou, e mesmo sendo surpreendido pelo destino tantas vezes, você se manteve firme ..... Sabe porque? Porque dentro de você existe uma força maior, que te impulsiona, que te leva adiante mesmo frente as dificuldades, existe dentro de ti confiança .. esperança .. sonhos .. e você sabe que é capaz de lutar, de buscar, de correr e conquistar cada um de seus sonhos sejam eles pessoais ou profissionais ..

Se o ano  de 2017  não foi dos melhores ... paciência!!!! De que vai adiantar lamentá-lo agora .. ele não vai voltar ... já foi .. já era .... o que temos agora? diante de nós? Temos as perspectivas para um 2017 ser  muito melhor!!!! ...Resta  ainda um mês, alguns dias, algumas horas, poucos segundos nada mais,  para deixar sua marca.

Mas, antes de pularmos para 2017, que tal nos concentrarmos nesse dezembro maravilhoso, que começa com todo aquele charme gostoso e aconchegante do Natal? Sim, que tal vivermos intensamente estes dias dezembrinos .. fazendo deles dias especiais ....


Que as luzes, os enfeites, as belezas do Natal, fogos no ano
novo,  não estejam somente nas ruas ... explodindo no céu  que eles estejam, em você,  dentro de nós em nosso coração!!! Que a luz do grande  mestre  Jesus resplandeça em você .. Prepare-se para viver o melhor Natal de sua vida! E um ano novo melhor ainda . Sabe porque??? Porque este Natal é único .. não existe outro ...porque este ano é único!!! ... viva-o ...

Prepare seu coração .. enfeite-se com amor, alegria, harmonia, paz ..... ascenda em sua alma a luz do Grande mestre e brilhe ... intensamente .... tal qual uma estrela ... seja uma fonte de luz .. de amor .. seja a vida,   um ponto luminoso que marca o coração de todos aqueles a sua volta!!!

Neste Natal .. faça o seu Natal interior ... seja Natal ... com todos os seus adjetivos ... fraternidade .. caridade .. união .. amor ... perdão .. esperança ... fé ... Paz!!!

Desde hoje ... desejo que você faça um ótimo  Natal .... tão lindo e maravilhoso  quanto seus sonhos ... tal qual você merece!!!

Irradie esta felicidade por todos o  que e cercam, e bem por isto que diz felicidade =  feliz cidade onde todos são felizes e se for assim todos  ganham...

Vá e Faça um 2018 melhor ainda, Vá e Vença. !!!
 PENSE NISTO          E        Faça um             BOM  MÊS lembre-se de dizer as pessoas que estão perto ou longe o quanto você as ama....


 abcs
Paulo Roberto Kroich Gomes
Vocare Consultoria, Treinamento, Marketing , Vendas
site - www.vocare.com.br
email - vocare@vocare.com.br
http://spaces.msn.com/paulorobertovocare/
fone 47 99633140

sábado, 18 de novembro de 2017

Credibilidade versus Debilidade

Credibilidade versus Debilidade

Quem já não  ouviu a expressão “no fio do bigode” designada  tradicionalmente a todas as pessoas que cumprem   e honram seus compromissos , pois é  as vezes é difícil encontrar pessoas assim quero passar a idéia que  comum no dia a dia, mas pouco trabalhada e honrada  e para isso usarei conceitos que vem das partidas  da contabilidade  do Crédito e do Débito

Credibilidade está associada a  Crédito  quando se tem algo a receber e Débito  quando se tem algo a pagar que faz com que tenhamos muitos “velhacos por ai” seguindo esta analogia

Credibilidade Versus Debilidade
Resultado de imagem para credibilidade
O que falta a muitas pessoas, no trabalho,   na família, com a esposa(a), na comunidade?  Credibilidade!

O que falta a Muitas Empresas?
 Credibilidade. O que não pode 
Faltar a você Créditos, credibilidade.
Vamos entender como isto funciona  tenho crédito quando tenho algo a receber, mas o valores podem ser diferentes, uns recebem dinheiro, outros pontualidade nos pagamentos,  nas ações na relações enfim recebem créditos ou débitos de acordo com suas atitudes e feitos.  Quem tem crédito é aquele que honra os seus compromissos e ações é uma pessoa que tem Crível- tem crédito. Não é preciso 'cobrar' a pessoa, da pessoa ou da empresa ,  isso se aplica a todas as áreas da vida. Isso não quer dizer que necessariamente uma pessoa que tenha credibilidade na área financeira, possa ter credibilidade na área de amizades ou qualquer outra. Pessoas íntegras tem credibilidade em todas as áreas, assuntos. Por exemplo, uma pessoa paga suas contas em dia, é cumpridor de suas obrigações no trabalho, em casa, na área social...mas é gananciosa. No trabalho é chamada pelo Chefe para opinar sobre a promoção de um colega, que merece realmente. Sua opinião foi solicitada por ser considerado pessoa íntegra; mesmo sabendo que o outro terá melhores condições de desempenho naquele cargo, aproveita o momento e convence o Chefe a promove-lo e o colega 'dança'. Essa pessoa não foi digna da credibilidade que lhe foi imputada  .Credibilidade está ligada a vários fatores de composição. É neste conjunto construído em um determinado tempo que se chega a credibilidade. Ou seja tem que ser uma pessoa com caráter, não mentir, saber dizer quando sabe e quando não sabe, ter postura em relação a tudo e todos entre outras coisas  E só terei Crédito se tiver dado alguma coisa a alguém ou alguém tiver dado alguma coisa em meu nome a alguém. E só terei Crédito se tiver dado alguma coisa a alguém ou alguém tiver dado alguma coisa em meu nome a alguém.

Se você a chegou a conclusão que tem mais débito na vida pessoal e profissional  ou na sua empresa esta na hora de começar a dar mais crédito as suas atitudes com ações positivas  em casa na empresa, que te levem a aumentar e melhorar a sua reputação .

O que eu posso te dizer com muita tranquilidade é que  evite os débitos ou que você torne-se uma pessoa Débil uma pessoa com debilidade nos compromissos e ações pois em uma sociedade   competitiva como a nossa esteja sempre e seja  CREDOR isso não quer dizer que você receberá sempre o créditos pelos seus feitos da mesma pessoa ou empresa! Deixe sempre o outro Devedor!

Como Fazer isso é simples: Faça sempre mais do que as pessoas esperam  que você faça por ela. E tenha muitos e bons créditos na vida pessoal, profissional e empresarial.


Paulo Roberto Kroich Gomes
Facilitador, Palestrante
VOCARE - DESENVOLVIMENTO EMPRESARIAL 

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Vida útil de uma Publicação na WEB

Você quer impulsionar suas publicações, observe a vida útil das mídias abaixo, lembre-se que daqui a pouco "estes tempos" podem mudar e assim sucessivamente.

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Dicas de como Conduzir e se Conduzir em Reuniões de Negócios.

Dicas de como Conduzir e se Conduzir em Reuniões de Negócios.

Responda com sim: sempre, as vezes e nunca

1.     So convoco reuniões informais quando o assunto e tão importante que justifique tomar tempo das pessoas.
2.     Informo as pessoas sobre o assunto a ser discutido e quanto tempo provavelmente a reunião vai demorar
3.     Espero que as reuniões comecem na hora e procuro chegar no horário.
4.     Tenho habito de informar as pessoas sobre o resultado das reuniões informais que dirijo.
5.     Quando estou encarregado de uma reunião tenho a certeza de que todos se concentrem no assunto em pauta.
6.     Não desperdiço meu tempo de meus colegas com visitas eventuais a não ser quando sei que não estão ocupados.
7.     Espero receber todos os relatórios antes das reunioes formais regulares. 
8.     Leio todos os relatórios pertinentes antes de ir as reuniões formais regulares.
9.     Informo aos interessados antes da reunião se  discordo da minuta da reunião anterior.
10.  Não tento dominar meus contatos e permito que os  outros expressem totalmente seus pontos de vistas.
11.  Respeito as informações confidenciais que obtive nas reuniões e cumpro as decisões, meso quando discordo delas.
12.  Tenho um comportamento bem humorado e construtivo ajudando a manter a boa vontade de meus colegas.
13.  Nos contatos, não perco a paciência nem grito com os colegas ou recorro ao sarcasmo ou insinuações.
14.  Quando organizo um evento apos a negociação confirmo o compromisso dos meus convidados, por escrito ou não conforme ocasião.
15.  Chego a um reunião de negócios pelo  menos dez minutos antes dos meus convidados.
16.   Depois de comparecer a uma refeição de negócios, envio um bilhete pessoal de agradecimento ao meu anfitrião.
17.  Antes de receber convidados para um evento, verifico as preferências alimentares
18.  Evito falar de negócios na companhia de minha esposa e de meus convidados.
19.  Levo um presentinho, chamego, quando sou convidado a casa de um contato de trabalho.
20.  Levo um pequeno chamego, , chocolate, pequenas ações que não prejudicam a ética, digamos faço um trafego de influencias, para facilitar as minhas ações
21.  Tento convidar pessoas que tenham interesses em comum e que provavelmente se darão bem juntas, fortalecendo as relações,
22.  levo muito a serio minhas responsabilidades como anfitrião e procuro fazer com que meus convidados recebam tudo o que precisem.
23.  Providencio uma alternativa para o álcool e não pressiono meus convidados a beber se sei que estão dirigindo.
24.  Mantenho-me sóbrio nas festas no trabalho e procuro me comportar corretamente.
25.  Apos as festas, não recordo meus colegas de suas indiscricoes., excessos,
26.  Preocupo-me com a vida pessoal de meus contatos no trabalho e escrevo-lhe, e-mails ou ligo sempre que ocorrem eventos notáveis.
27.  Procuro a cada momento influenciar, convencer e persuadir, sutilmente meus contatos, sem a intenção de manipula los.
Acrescente outras dicas.

___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

terça-feira, 7 de novembro de 2017

Como conviver com pessoas difíceis

Como conviver com pessoas difíceis

Todos nós, mais dia, menos dia, esbarramos em alguém que nos tira do sério. Uma pessoa realmente difícil. Não falo dos carrancudos usuais que cruzam nossos caminhos e depois desaparecem, como motoristas mal-humorados, vendedores cricras ou entregadores grosseiros. Refiro-me aos que nos enlouquecem nos tiram do sério, pisam em nosso calo, mas que não podemos ignorar, tampouco evitar, como colegas de trabalho, vizinhos ou parentes. Pode até ser que sejam personalidades que explodem sua raiva em nós. O psicanalista Eric Berne se refere ao jogo psicológico que ocorre com essas pessoas como "gritaria". Quando o discurso racional fracassa - o que geralmente acontece, pois afinal essa é uma pessoa difícil -, as vozes se elevam e o conflito se intensifica. Há três possíveis desfechos para o jogo:

a) você sai do recinto e bate a porta;
b) a pessoa difícil sai e bate a porta;
c) ambas saem e batem a porta. De qualquer modo, o jogo da "gritaria" sempre culmina com uma porta batendo.


Em vez de tentar mudar a outra pessoa, deveríamos ter cuidado para não entrar no jogo dela. Não interpretar a beligerância como um ataque pessoal e não entrar na reação de "lutar-ou-fugir" que herdamos da vida animal. Ao praticar diariamente técnicas de autotransformação, podemos manter o equilíbrio mental até mesmo nas situações mais conflitantes, sem responder reativamente a rompantes e chantagens emocionais. Poderemos ouvir calma e atentamente, sem entrar no ringue para nos defender. Aproveito para contar uma história do folclore coreano que ilustra bem isso.

Uma jovem mulher, Yun Ok, foi até o célebre monge da montanha.
- Ó respeitável sábio - disse ela. - Estou em dificuldades! Faça-me uma poção.
- Tudo bem - disse o sábio. - Qual é sua história?
- É meu marido. Nos últimos anos, ele esteve ausente, lutando numa guerra. Agora que voltou, quase não fala comigo. Se falo, ele parece não ouvir. Quando abre a boca para falar, é rude e zangado. Se lhe sirvo comida, ele não gosta; empurra o prato para o lado e sai da mesa raivoso. Preciso de uma poção para que ele volte a ser amoroso e carinhoso!
O sábio respondeu:
- Tenho a receita. Mas o ingrediente essencial é o bigode de um tigre vivo.
- O bigode de um tigre vivo! - disse a moça. - Como vou conseguir isso?
- Se a poção for realmente importante para você, então você terá êxito - respondeu o monge.
Não devemos tentar mudar a outra pessoa. Nem morder a isca e entrar no jogo da gritaria
A moça foi para casa. Naquela noite, enquanto o marido dormia, saiu furtivamente com uma tigela de arroz e um naco de carne. Chegou a uma prudente distância da caverna de um tigre, estendeu a comida e o chamou para comer. O tigre não veio. Na noite seguinte, fez a mesma coisa, desta vez mais perto da caverna. De novo, nada aconteceu. Todas as noites ela ia à caverna, cada vez se aproximando mais. Pouco a pouco o tigre acostumou-se com ela. Certa noite, chegou a uma distância da qual se poderia atirar uma pedra na caverna e parou. A moça e o tigre fitaram-se sob a luz da lua. Na noite seguinte, ela se aproximou ainda mais, a ponto de estar tão próxima que poderia falar com o tigre com uma voz muito suave. Pouco depois, o tigre comeu a comida oferecida.


Na outra noite, o tigre a esperava. Depois que ele comeu, ela passou a mão sobre sua cabeça, e ele começou a ronronar. Seis meses haviam se passado desde a noite da primeira visita. Finalmente, depois de tê-lo acariciado na cabeça, ela disse: "Ó generoso Tigre, preciso de um de seus bigodes. Por favor, não se zangue comigo!". E ela cortou um dos bigodes. O tigre não se zangou, e a lambeu. Ela correu em disparada pela trilha, com o bigode nas mãos. Exultante, chegou à caverna do eremita: "Ó grande sábio, consegui o bigode do tigre! Agora você pode fazer a poção mágica!". O sábio examinou o bigode cuidadosamente, satisfeito porque era mesmo de tigre, e jogou-o na fogueira.
- O que você fez? - gritou a moça. - Depois de todo o esforço que eu fiz para pegar o bigode!
- Conte-me como você o conseguiu - disse o sábio.
- Todas as noites, eu ia à caverna do tigre com uma tigela de comida, para ganhar sua confiança. Falava docemente com ele, para fazê-lo compreender que só queria seu bem. Fui paciente. Cada noite, levava comida sabendo que ele não a comeria. Mas não desisti. Nunca falei asperamente, nem o censurei. Finalmente, numa noite, ele andou alguns passos em minha direção. Nas noites seguintes, ele já estava me esperando na trilha e comia da tigela. Passei a mão em sua cabeça e ele começou a ronronar. Foi aí que consegui cortar o bigode dele.
- Você domesticou o tigre com sua persistência e seu amor - disse o sábio.
- Mas você jogou o bigode do tigre no fogo! Foi tudo a troco de nada! - lamentou-se ela.
- Não, não foi tudo a troco de nada. Você não precisa mais do bigode. Será que seu marido é mais feroz que um tigre? Será que ele é menos sensível ao carinho e à compreensão? Se você é capaz de ganhar a confiança de um animal selvagem e sedento de sangue com suavidade e paciência, certamente poderá fazer o mesmo com seu marido!
Yun Ok permaneceu emudecida por alguns momentos. Então voltou pela trilha, refletindo sobre a grande verdade que havia aprendido do sábio da montanha. O segredo para lidar com pessoas difíceis é não morder a isca da negatividade delas e deixar que elas mordam sua isca de um coração empático e cheio de amor.
E você o que tem Feito com as pessoas difíceis que estão o seu redor.

Pense Nisto.!

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Como Lançar um produto ou servico no Mercado

Como Lançar um produto ou serviço no Mercado

O lançamento de um produto/servico no mercado está dividido em 3 fases. Cada uma das fases deve ser meticulosamente estudada, analisada e completada com muito critério, pois elas se interligam. Se uma delas não for criteriosamente executada, o lançamento do produto no mercado estará seriamente comprometido.

De forma bem simples, seguem abaixo os itens, perguntas que devem ser respondidas e que devem ser executados:

Fase 1 - Idealização
1.1- Pensar estrategicamente qual o mercado que deverá ser atingido e de que forma.
1.2- Pensar quais benefícios o produto/servico estará proporcionando aos consumidores.
1.3- Qual a principal promessa do produto/serviço?
1.4- Como comunicá-la?
1.5- Quais resultados esperados a curto, médio e longo prazos?
Resultado de imagem para novo produto
Fase 2 - Desenvolvimento

2.1- Elaborar um Plano de Marketing com todos os detalhes possíveis, abordando o esquema de vendas e prevendo o nível de aceitação do produto/servico no mercado.
2.2- Tempo ideal.
2.3- Qual o ciclo de vida do produto/serviço neste mercado,   ?

Fase 3 - Lançamento
3.1- Treinar a equipe de vendas.
3.2- Vender para a equipe de vendas.
3.3- Vender para o intermediário (varejo/atacado).
3.4- Vender para o consumidor final.
3.5- Fazer com que todos  comprem e recomprem sempre o produto/serviço.
Durante a fase de DESENVOLVIMENTO do produto e da forma de prestar o serviço, o Plano de Marketing deve responder as questões abaixo:

Distribuição
a) Que tipo de canais de distribuição devemos usar? Como vamos prestar o serviço? 
b) Qual o número de canais de cada tipo que devemos usar (por segmento de mercado)?
c) Quanto devemos investir em desenvolvimento e controle dos canais de distribuição, no caso de produto?
d) Como será feita a distribuição física dos produtos (transporte, estocagem, armazéns - número, localização e tamanho), onde será prestado o serviço, in company, em domicilio, em local próprio?

Promoção de Vendas
a) Quanto deve ser investido em promoção?
b) Qual deve ser a estratégia promocional básica?
c) Que tipo de assistência de propaganda e promoção de vendas deve ser dado aos distribuidores?
d) Quais serão as mensagens, temática, argumentação?
e) Como a promoção deve ser programada em função do tempo?
f) Que incentivos e instrumentos adicionais vamos utilizar para o lançamento?

Propaganda
a) Quanto deve ser investido em propaganda?
b) Que veículos (mídia) devem ser usados?
c) Em que proporção?
d) Com que intensidade e freqüência?
e) Qual deve ser a programação (tempo) da propaganda após o lançamento?

Publicidade
Resultado de imagem para novo produtoa) Que eventos utilizaremos para conseguir publicidade?
b) Com que veículos (público/imprensa) manteremos contato?
c) Quais os meios que utilizaremos (assessoria de imprensa/relações públicas)?

Vendas Pessoais
a) Qual deve ser o tamanho da força de vendas?
b) Como ela deverá estar organizada: por território geográfico, por produto ou por tipo de cliente?
c) Como deve ser delimitado o território em termos de tamanho e força?
d) Como será feito o recrutamento e seleção dos vendedores?

e) Treinamento? Remuneração? Motivação? f) Como serão supervisionados, avaliados e controlados?

Acrescente outras perguntas que julgar necessário. informação quando bem usada não é demais

Um Forte abraço

Paulo  Roberto Kroich Gomes.