domingo, 30 de abril de 2017

O que é uma Startup?

Startup significa o ato de começar algo, normalmente relacionado com companhias e empresas que estão no início de suas atividades e que buscam explorar atividades inovadoras no mercado. ... Um modelo de negócio é a forma como a empresa gera valor para os clientes.
Empresas startup são jovens e buscam a inovação em qualquer área ou ramo de atividade, procurando desenvolver um modelo de negócio escalável e que seja repetível.
Um modelo de negócio é a forma como a empresa gera valor para os clientes. Um modelo escalável e repetível significa que, com o mesmo modelo econômico, a empresa vai atingir um grande número de clientes e gerar lucros em pouco tempo, sem haver um aumento significativo dos custos.
O termo startup, para designar empresas recém-criadas e rentáveis, começou a ser popularizado nos anos 1990, quando houve a primeira grande "bolha da internet". Muitos empreendedores com ideias inovadoras e promissoras, principalmente associadas à tecnologia, encontraram financiamento para os seus projetos, que se mostraram extremamente lucrativos e sustentáveis.
Naquele período, grande parte da explosão de empresas startup surgiu no Vale do Silício (Silicon Valley), uma região da Califórnia, Estados Unidos, de onde saíram empresas como Google, Apple Inc., Facebook, Yahoo!, Microsoft, entre outras.
Todas essas empresas são exemplos de startup que hoje estão fortemente solidificadas e são líderes nos seus setores de atuação no mercado.
Contudo, os empreendedores devem ter em mente que a fase inicial de uma startup é sempre marcada por um cenário de incertezas. Algumas ideias aparentemente rentáveis podem se revelar inaplicáveis.

Startup no Brasil

As primeiras empresas a seguir o modelo startup começaram a aparecer no Brasil no começo do século XXI, sendo que a partir de 2010 este ramo apresentou um crescimento vertiginoso, de acordo com dados da Associação Brasileira de Startups - ABStartups.
E o  que é bom Saber; 

O que os investidores chamam de startup?

Muitas pessoas dizem que qualquer pequena empresa em seu período inicial pode ser considerada uma startup. Outros defendem que uma startup é uma empresa com custos de manutenção muito baixos, mas que consegue crescer rapidamente e gerar lucros cada vez maiores. Mas há uma definição mais atual, que parece satisfazer a diversos especialistas e investidores: uma startup é um grupo de pessoas à procura de um modelo de negócios repetível e escalável, trabalhando em condições de extrema incerteza.
Apesar de curta, essa segunda  definição envolve vários conceitos que destaco abaixo:
Um cenário de incerteza significa que não há como afirmar se aquela ideia e projeto de empresa irão realmente dar certo – ou ao menos se provarem sustentáveis.
O modelo de negócios é como a startup gera valor – ou seja, como transforma seu trabalho em dinheiro. Por exemplo, um dos modelos de negócios do Google é cobrar por cada click nos anúncios mostrados nos resultados de busca – e esse modelo também é usado pelo Buscapé.com. Um outro exemplo seria o modelo de negócio de franquias: você paga royalties por uma marca, mas tem acesso a uma receita de sucesso com suporte do franqueador – e por isso aumenta suas chances de gerar lucro.
Ser repetível significa ser capaz de entregar o mesmo produto novamente em escala potencialmente ilimitada, sem muitas customizações ou adaptações para cada cliente. Isso pode ser feito tanto ao vender a mesma unidade do produto várias vezes, ou tendo-os sempre disponíveis independente da demanda. Uma analogia simples para isso seria o modelo de venda de filmes: não é possível vender a mesmo unidade de DVD várias vezes, pois é preciso fabricar um diferente a cada cópia vendida. Por outro lado, é possível ser repetível com o modelo pay-per-view – o mesmo filme é distribuído a qualquer um que queira pagar por ele sem que isso impacte na disponibilidade do produto ou no aumento significativo do custo por cópia vendida.
Ser escalável é a chave de uma startup: significa crescer cada vez mais, sem que isso influencie no modelo de negócios. Crescer em receita, mas com custos crescendo bem mais lentamente. Isso fará com que a margem seja cada vez maior, acumulando lucros e gerando cada vez mais riqueza.
 

Os passos seguintes
É justamente por esse ambiente de incerteza (até que o modelo seja encontrado) que tanto se fala em investimento para startups – sem capital de risco, é muito difícil persistir na busca pelo modelo de negócios enquanto não existe receita. Após a comprovação de que ele existe e a receita começar a crescer, provavelmente será necessária uma nova leva de investimento para essa startup se tornar uma empresa sustentável. Quando se torna escalável, a startup deixa de existir e dá lugar a uma empresa altamente lucrativa. Caso contrário, ela precisa se reinventar – ou enfrenta a ameaça de morrer prematuramente.
Startups são somente empresas de internet? 

Não necessariamente. Elas só são mais frequentes na Internet porque é bem mais barato criar uma empresa de software do que uma de agronegócio ou biotecnologia, por exemplo, e a web torna a expansão do negócio bem mais fácil, rápida e barata – além da venda ser repetível. Mesmo assim, um grupo de pesquisadores com uma patente inovadora pode também ser uma startup – desde que ela comprove um negócio repetível e escalável.

Espero que tenhamos lhe ajudado a esclarecer um pouco mais sobre o que é Startup. Quer montar uma Startup saiba que deve ter algumas característica importantes para que tudo dê certo, características  empreendedoras ou intra-empreeendedoras tais como; Busca de Oportunidade e Iniciativa, Busca de Informações, Estabelecimento de Metas,  Planejamento e Monitoramento, Correr Risco Calculados,     Comprometimento, Persistência, uma boa dose de  Qualidade e Eficiência, Independência e auto-confiança e uma Boa rede de Contados, atento as essas características que não precisam seguir exatamente esta ordem, mas fique atento a elas, ela te impulsionaram ao sucesso.  


sexta-feira, 21 de abril de 2017

O Profeta da Criatividade

O PROFETA DA CRIATIVIDADE



Li  outro dia o  livro “ Mentes Brilhantes”   de Alberto Dell ísola, o autor para desenvolvimento da mente cita vários pontos de criatividade e me atrevo  escrever algo sobre o tema.

 Pintor da Última Ceia e da Mona Lisa, com seu enigmático sorriso, o italiano Leonardo da Vinci (1452-1519) foi inventor, cientista, escultor, engenheiro, músico, desenhista, cartógrafo, matemático e arquiteto, além de dominar outras áreas, como a Física, Astronomia, Zoologia, Botânica e a Fisiologia. Sua genialidade o consagrou como "profeta da criatividade" e "pai da empregabilidade" (soma das competências e habilidades individuais).

Sua fértil imaginação o fez viver séculos à frente do seu tempo. Como o maior desafio mundial é a geração de idéias para resolver os graves problemas sociais da maioria da população do planeta, pergunto:

Quanto vale uma idéia?
Quanto valeram, e continuam valendo, as idéias de Marie Curie, Oscar Niemeyer, Thomas A. Edison, Santos Dumont, Walt Disney, Madre Tereza de Calcutá, Bill Gates,
Steven Paul Jobs, mais conhecido como Steve Jobs nascido em San Francisco, Califórnia, 24 de fevereiro de 1955, há quem diga que é uma das mentes mais criativas da atualidade, se a critiavidade é ganhar dinheiro então é fato, Albert Einstein, Antoinie Lavoisier, entre outros criativos conhecidos e desconhecidos, aqui em nossa região há muitos, na sua cidade deve haver outros tantos, e muitos, muitos outros que não se atrevem a divulgar ou colocar a sua ideia em ação,  mas os que colocam a praticam bem esta ideia  quanto vale?...

Percebe-se que  ideia não tem preço; tem valor sim, muitas vezes maior do que as cifras que engordam contas bancárias, pois salvam vidas e elevam a auto-estima das pessoas, transformando-as em cidadãos  permitindo que o maior objetivo do ser humano seja atingido: a felicidade, o prazer, o estar de bem consigo mesmo.

A idéia, considerada a representação intelectual de um objeto ou processo, tem maiores chances de obter êxito quando é baseada em conhecimento, requisito tão importante que  tem na sua  origem  a força do  texto bíblico:

(Provérbios 4:7)
"A sabedoria é a coisa principal; adquire pois a sabedoria, emprega tudo que possues na aquisição do entendimento."

Uma percepção refinada  atenta sobre as traquinagens das crianças nos leva à conclusão que elas só desejam aprender a aprender e trocam experiências entre si, observem seus filhos.

Compartilhar conhecimento pelo intercâmbio de informações e experiências é essencial para nos conscientizarmos que é dividindo que se soma. A inovação, fada madrinha da tecnologia, ocorre quando existe liberdade e coragem para romper hábitos, deletar regras,quebrar a disciplina, mudar rumos  pois, segundo o espanhol Picasso, expoente da arte contemporânea, "todo ato de criação é, antes de tudo, uma destruição".

Organização inovadora, de qualquer natureza e porte e profissional criativo  é aquela e aquele que tem a iniciativa de estimular as pessoas a se desenvolverem nos campos da comunicação, motivação e liderança  triângulo mágico da transformação e do sucesso empresarial e profissional.

Considerando que o mundo é dos curiosos, a implementação  Processo de Associação de Idéias – é uma iniciativa que faz da aprendizagem coletiva uma forma inteligente, prática e barata de agregar valor a produtos e serviços. Vale a pena alertar que não se trata de um, um festival de palpites, torro de idéias.., mas do desenvolvimento de projetos com uma metodologia adequada, que começa com a imaginação e termina com a avaliação de
resultados. As idéias devem ter como objetivo geral a prevenção de não-conformidades, a solução de problemas emergenciais e a geração de novidades que criem uma posição singular na mente do consumidor. Para as organizações, as vantagens são visíveis, principalmente o fortalecimento de sua imagem no mercado. Para os funcionários, o maior benefício é o prazer de revelar ou de desenvolver o seu potencial, além dos incentivos motivacionais, que objetivam o reconhecimento e a valorização do pensamento criativo. A associação de idéias, patente dos pensadores da antiga Grécia e paraíso da moderna publicidade, traz resultados satisfatórios nas organizações que têm a ousadia e a humildade de terem como lema a seguinte frase:

Aqui tudo pode ser questionado, pois quando pensamos que temos todas as respostas, vem a vida e muda todas as perguntas, é aqui que o  marketing se torna a ciência do depende.  Tente isso.!


( Referencias: Mentes que Brilham( Alberto Dell’isola),  Um Chute na Rotina ( Roger Van Oech), Navegador de Mudanças (Kurt Hanks).

sexta-feira, 14 de abril de 2017

O Significado da Páscoa

O Significado da Páscoa  

Há dois mil e dezessete anos atrás, um homem veio ao mundo disposto a ser o maior exemplo de amor e verdade que a humanidade conheceria, tornou-se o mestre dos mestres.

Sua proposta de vida não foi atendida por muitos, muitas vezes os aprendizes não estão prontos para aprender condenaram este homem e crucificaram-no ignorando todos os seus propósitos de um mundo melhor. Houve dor, angústia e escuridão.

O sol se recusou a brilhar, a lua se negou a iluminar a Terra, até que no terceiro dia a vida acontece, reacontece, ressurgi, renova-se. A Páscoa, não é somente um fenômeno comercial,   existe para nos lembrar daquele  momento inigualável chamado ressurreição.

Ressurreição do sorriso, da alegria de viver, do amor.
Ressurreição da amizade, da vontade de ser feliz.
Ressurreição dos sonhos, das lembranças.
Ressurreição do impossível no possível
Ressurreição da esperança.

E de uma verdade que está acima dos ovos de chocolates ou até dos coelhinhos da páscoa e do sentido comercial ou de qualquer outro sonho neste sentido, mas dá fé para que as pessoas  tocadas e sensibilizadas possam ressurgir para um novo tempo. Cristo morreu, mas ressuscitou... E fez isso somente para nos ensinar a matar os nossos piores defeitos e ressuscitar as maiores virtudes sepultadas no íntimo de nossos corações, reavivadas por alguns e enterradas por muitos.

Que o sentido verdadeiro da minha, da sua, da nossa Páscoa, no mundo pessoal profissional,  independente das questões financeiras e dos resultados frenéticos que buscamos incessantemente que possamos encontrar amor, carinho, paz, fraternidade, companheirismo, na família, na comunidade na Empresas com os nossos pares e impares porque isso sim é o verdadeiro sentido da Páscoa e da renovação a que todos nos estamos e devemos estar sujeitos para nossa evolução e para a evolução da humanidade,  Pense nisto recomeçar  por aqui já é um grande passo abaixo alguns ingredientes para esta Páscoa,   

Alguns ingrediente pra uma boa Receita de Ovos de Páscoa Ingredientes: ·        

Perdão ·  
Alegria ·
Paciência ·    
Fé ·
Perseverança ·        
Vontade de Ser Feliz ·
Paz
..... ( acrescente o seu toque especial )
Modo de fazer:

Misture no recipiente bem lavado da sua alma, chocolate, mais perdão e alegria. Deixe calmamente em banho-maria até que todas as mágoas e rancores sejam depurados. Espere esfriar um pouco, salpicando perseverança e paciência e despeje nos dois lados do coração.

 Prepare o seu bombom predileto com recheios de paz e vontade de ser feliz. Reze/ore/medite nessa hora. Desinforme as duas partes moldadas no coração, coloque dentro os bombons, embrulhe com um papel transparente de amizade, verdejante e luzente de esperança.

Amarre com fitas prateadas de carinho e mande muitos, muitos, pra quem não te entende também... é tempo de redenção.

 FELIZ PÁSCOA!!!

Mensagem da www.vocare.com.br encaminhada via web e.mail em 2009 readaptação 2011, 2014,2015, 2016,2017.

domingo, 9 de abril de 2017

Empreendedor, ser ou não ser?




Ser empreendedor significa, acima de tudo, ser um realizador que produz novas idéias através da congruência entre criatividade e imaginação. Seguindo este raciocínio; o empreendedor, em geral, é motivado pela auto-realização e pelo desejo de assumir responsabilidades e ser independente. Considera irresistíveis os novos empreendimentos, oportunidades e propõe sempre idéias criativas, seguidas de ação. 
A auto-avaliação, a autocrítica e o controle do comportamento são características do empreendedor que busca o auto desenvolvimento. Para se tornar um empreendedor de sucesso, é preciso reunir imaginação, determinação, habilidade de organizar, liderar pessoas e de conhecer tecnicamente etapas e processos dos produtos ou serviços que irá desenvolver observando um novo mercado.
Há ainda o intra empreendedor aquele capaz de deixar os integrantes da empresa surpreendidos, sempre pronto para trazer e gerir novas idéias, produtos, ou mudar tudo o que já existe. É um otimista que vive no futuro, transformando crises em oportunidades e exercendo influência nas pessoas para guiá-las em direção às suas idéias. É aquele que cria algo novo ou inova o que já existe e está sempre pesquisando. É o que busca novos negócios e oportunidades com a preocupação na melhoria dos produtos e serviços dentro da empresa. Suas ações baseiam-se nas necessidades do mercado.
Segundo Fernando Dolabela, também consultor de importantes instituições em todo o Brasil e reconhecido por ser um especialista em empreendedorismo, a tese de que o empreendedor é fruto de herança genética não encontra mais seguidores nos meios científicos. Na verdade ninguém nasce empreendedor. O contato com família, escola, amigos, trabalho, sociedade vai favorecendo o desenvolvimento de alguns talentos e características de personalidade e bloqueando ou enfraquecendo outros. Isso acontece ao longo da vida, muitas vezes ao acaso, pelas diversas circunstâncias enfrentadas.
O empreendedor é um ser social, assim sendo é fruto da relação constante entre os talentos e características individuais e o meio em que vive.
O que leva alguém a ter o próprio negócio?
Em geral, as pessoas que sonham em ter o seu próprio negócio são movidas pela ambição de ganhar muito dinheiro e ser independentes. A simples idéia de estarem subordinadas a alguém as apavora.
Algumas pessoas são levadas a abrir o seu próprio negócio por motivos que, muitas vezes, são alheios às suas vontades. Tais situações abrangem exemplos de profissionais que saíram de grandes organizações com recursos econômicos significativos e que resolveram montar o seu próprio negócio; aqueles que deixaram seus empregos para se tornarem empresários e aqueles que, sem a maior pretensão, herdaram algum negócio da família.
Na realidade, ser o próprio patrão implica estar exposto a constantes mudanças, assumir responsabilidades e sofrer pressões da sociedade, dos órgãos governamentais e dos empregados. A dedicação ao trabalho aumenta significativamente: muitas vezes trabalha-se mais de 8 horas por dia, sem um salário fixo, garantido no final do mês, e sem férias integrais. Ser um grande executivo de uma empresa não significa ser um grande empresário. Eis algumas características que formam o perfil do empreendedor de sucesso:
· é motivado pelo desejo de realizar;
· corre riscos viáveis, possíveis;
· tem capacidade de análise;
· precisa de liberdade para agir e para definir suas metas e os caminhos para atingi-las;
· sabe onde quer chegar;
· confia em si mesmo;
· não depende dos outros para agir; porém, sabe agir em conjunto;
· é tenaz, firme e resistente ao enfrentar dificuldades;
· é otimista, sem perder o contato com a realidade;
Na verdade ninguém nasce empreendedor. O contato com família, escola, amigos, trabalho, sociedade vai favorecendo o desenvolvimento de alguns talentos e características de personalidade e bloqueando ou enfraquecendo outros. Isso acontece ao longo da vida, muitas vezes ao acaso, pelas diversas circunstâncias enfrentadas.
O empreendedor é um ser social, e assim sendo é fruto da relação constante entre os talentos e características individuais e o meio em que vive.
Enfim empreendedor bem-sucedido é uma pessoa com características de personalidade e talento que preenchem um padrão determinado, o que o leva a agir de tal forma que alcança o sucesso, realiza os seus sonhos e atinge os seus objetivos se você esta nesta busca aprimore-se, tenha iniciativa, busque informações sobre o negócio e o mercado, trace suas metas, planeje o que quer realizar e monitore o que for acontecendo, avalie os riscos tenha confiança no seu poder de realização utilize a sua rede de contato.
Agora esta em suas mãos em ser ou não ser um empreendedor?
Boa Viagem Marujo!!!!!

Autor: PAULO ROBERTO KROICH GOMES
Fonte: SEBRAE/SC

terça-feira, 4 de abril de 2017

Que eu não perca ...

Que Deus não permita que eu perca o ROMANTISMO, mesmo eu sabendo que as rosas não falam. 

Que eu não perca o OTIMISMO, mesmo sabendo que o futuro que nos espera não é assim tão alegre.

Que eu não perca a vontade de VIVER, mesmo sabendo que a vida é, em muitos momentos, dolorosa...

Que eu não perca a vontade de ter grandes AMIGOS, mesmo sabendo que, com as voltas do mundo, eles acabam indo embora de nossas vidas...

Que eu não perca a vontade de AJUDAR as pessoas, mesmo sabendo que muitas delas são incapazes de ver, reconhecer e retribuir esta ajuda.

Que eu não perca o EQUILÍBRIO, mesmo sabendo que inúmeras forças querem que eu caia.

Que eu não perca a VONTADE de amar, mesmo sabendo que a pessoa que eu mais amo, pode não sentir o mesmo sentimento por mim...

Que eu não perca a LUZ e o BRILHO no olhar, mesmo sabendo que muitas coisas que verei no mundo, escurecerão meus olhos...

Que eu não perca a GARRA, mesmo sabendo que a derrota e a perda são dois adversários extremamente perigosos.

Que eu não perca a RAZÃO, mesmo sabendo que as tentações da vida são inúmeras e deliciosas.

Que eu não perca o sentimento de JUSTIÇA, mesmo sabendo que o prejudicado possa ser eu.

Que eu não perca o meu forte ABRAÇO, mesmo sabendo que um dia meus braços estarão fracos...

Que eu não perca a BELEZA e a ALEGRIA de ver, mesmo sabendo que muitas lágrimas brotarão dos meus olhos e escorrerão por minha alma...

Que eu não perca o AMOR por minha família, mesmo sabendo que ela muitas vezes me exigiria esforços incríveis para manter a sua harmonia.
Que eu não perca a vontade de doar este enorme AMOR que existe em meu coração, mesmo sabendo que muitas vezes ele será submetido e até rejeitado.
Que eu não perca a vontade de ser GRANDE, mesmo sabendo que o mundo é pequeno... E acima de tudo...

Que eu jamais me esqueça que Deus me ama infinitamente, que um pequeno grão de alegria e esperança dentro de cada um é capaz de mudar e transformar qualquer coisa, pois.... a vida é construída nos sonhos e concretizada no amor!


Nadir Beltrão


sábado, 1 de abril de 2017

Charles Spencer Chpalin

Charles Spencer Chaplin
Nascimento: 16 de abril de 1889
Falecimento: 25 de dezembro de 1977- (Com 88 anos)
Corsier-sur-Vevey, Vaud, Suíça -
Causa da morte: AVC
Lembre-se de suas 3 Declarações Sentimentais:
(1) Nada é para sempre neste mundo, nem mesmo os nossos problemas.
(2) Eu gosto de andar na chuva, porque ninguém pode ver minhas lágrimas.
(3) O dia mais desperdiçado na vida é o dia em que não rimos.
Os Seis Melhores Médicos do Mundo ....
1. Luz do sol,
2. Descanso,
3. Exercício,
4. Dieta,
5. Auto-estima e
6. Amigos.
Mantê-los em todas as fases da vida e você vai desfrutar de uma vida saudável ...!
Se você ver a Lua ...
Você verá a beleza de Deus .....!
Se você vir o Sol ...
Você verá o poder de Deus ...!
E....
Se você ver o espelho, você verá a Melhor Criação de Deus ...!
Então, ACREDITE NELE.
Somos todos turistas e Deus é o nosso Agente de Viagens que já fixou todas as nossas rotas, reservas e destinos ... Confie nele e desfrute da "Viagem" chamada VIDA ... !!
A vida é apenas uma!
Viva hoje!!!!
Compartilhe com todas as pessoas que são importantes para você ...